03/08/2010

E chove no meu jardim

Tem Dias que chove no meu jardim
Molha, brota, vive
Agua docê escorre entre raizes
Num singelo barulho
Leva meu barquinho
Meus imperios de area
Derretem como gelo ao sol
O dia parece noite
E agua parece escorrer dos olhos
E ainda chove no meu jardim.

2 comentários:

Angel disse...

Que bom que chove em seu jardim - As flores fazem festa.

Fernanda Magalhães disse...

Que lindo poema Ju!

Bjos!